Willkommen auf den Seiten des Auswärtigen Amts

Mensagem de saudação do Ministro Federal das Relações Externas, Heiko Maas, por ocasião do Dia da Unidade Alemã, em 3 de outubro de 2020

Ministro Federal das Relações Externas

Ministro Federal das Relações Externas Heiko Maas, © Thomas Imo/photothek.net

Artigo

Pessoas tomadas pela euforia junto do Portão de Brandenburgo, caídas nos braços umas das outras, a rir e ao mesmo tempo a chorar de alegria. São imagens emocionais como estas que associamos à queda do Muro em novembro de 1989 e à reunificação alemã há 30 anos.

Pasmado e incrédulo, o mundo inteiro viu as forças que a coragem das pessoas é capaz de libertar e como o desejo de justiça e de liberdade consegue vencer uma ditadura de forma pacífica. Por mais surpreendentes que os acontecimentos do Outono de 1989 possam ter sido para todos, a queda do Muro de Berlim não surgiu do nada. Foi antes o resultado de uma política de reconciliação e aproximação e de décadas de diálogo da sociedade civil – de pessoa para pessoa – entre ambos os lados do Muro, e foi imposta pela determinação de pessoas corajosas. Um ano mais tarde, a 3 de outubro de 1990, seguiu-se a unificação dos dois Estados alemães como resultado de intensas e corajosas negociações políticas com os Aliados e os países vizinhos. É também graças a eles que o nosso país está agora firmemente ancorado na comunidade internacional e numa Europa unida e pacífica.

Para as pessoas na Alemanha e para muitas outras pessoas no mundo, 30 anos de Unidade Alemã são uma ocasião para olhar para trás. Os acontecimentos de há 30 anos mostram-nos que não podemos alcançar grandes feitos sozinhos, mas sim em estreita cooperação com vizinhos e parceiros.

A confiança e a estreita cooperação são princípios orientadores da política externa alemã. Lutar por soluções comuns talvez nem sempre conduza a resultados tão rápidos como todos gostariam, mas esforços solitários intransigentes e um recuo para egoísmos nacionais são caminhos errados que não conduzem a nada de bom.

Afinal de contas, todos sentimos que as grandes questões que a humanidade enfrenta só podem ser resolvidas em conjunto, caso contrário não serão resolvidas de todo. A pandemia do coronavírus é um bom exemplo disso. Estas soluções têm de se basear num esforço para promover mais diálogo e uma compreensão mútua mais profunda. Esta tarefa não cabe apenas aos políticos, mas também às sociedades civis, à educação e à cultura.

Arte e cultura, em particular, criam valiosas pontes de diálogo. Com elas podemos compreender os sonhos e traumas das nossas sociedades e partir em busca de perspetivas comuns.

A Alemanha, unida há 30 anos, está comprometida com a política de paz e empenha-se em soluções de cooperação – na União Europeia, nas Nações Unidas e também na Aliança para o Multilateralismo, que a Alemanha lançou em conjunto com outros parceiros.

A queda do Muro de Berlim e a reunificação da Alemanha mostraram-nos que muito do que durante tanto tempo parecia impossível é, afinal, possível. Para tal, é preciso coragem, vontade e instinto para tomar as decisões certas na altura certa. Precisamos de tudo isto hoje, pois enquanto comunidade global enfrentamos desafios particularmente grandes. E, no entanto, não há razão para nos resignarmos. Se recordarmos a fundação da Organização das Nações Unidas há 75 anos, imediatamente após os horrores da Segunda Guerra Mundial, constatamos que nessa altura, as pessoas teriam tido razões que chegam para desconfiar umas das outras. Teriam tido todos os motivos para temer o futuro. E, no entanto, disseram: Estamos a criar esta Organização das Nações Unidas porque acreditamos que juntos podemos trabalhar melhor pela paz e pela liberdade.

Hoje em dia, devíamos lembrar-nos disto mais vezes. Temos razões para ter esperança. E neste dia, mais do que nunca, as pessoas na Alemanha podem estar cientes disso!

Bem-vindo à Embaixada da Alemanha em Angola

Bem-vindos!

Brandenburger Tor

15 ° C

Berlin

© dwd.de

Tag der Deutscheneinheit 2020

Embaixador Dirk Lölke

Botschafter Dirk Lölke 2018

Juntos trabalhamos na intensificação das diversas relações entre os nossos países. Queremos promover as relações económicas e tornar a Alemanha num local de estudo ainda mais atraente para os estudantes angolanos.

Embaixador Dirk Lölke

Designação

Embaixada da República Federal da Alemanha

Chefe

Dirk Lölke, Embaixador

Local

Luanda

CEP

1295

Telefone

+244 222 430 404, +244 222 430 505, +244 222 430 604

Celular

serviço de urgências : +244 949 264 495 (Não casos de Vistos!)

Fax

+244 222 430 811

Mais informações em nossa Política de Privacidade

Endereço Postal

Rua de Benguela 17

Embaixada da República Federal da Alemanha

 Rua de Benguela  17

 Cruzeiro, Luanda

 Angola

 Caixa Postal 1295

País

Angola

Horário de Funcionamento

2° - 6° feira, 08:00 - 12:00 : novas solicitações (com marcação)

2°, 4° e 6° feira, 12:00 - 13:00 : entrega dos passaportes

3° e 5° feira, 14:00 - 15:00 : entrega de documentos adicionais, entrevistas, orientações,

Área de jurisdição

Angola

Idiomas

Alemão e Português

E-Mail

info@luanda.diplo.de

Contacto

Serviço

Ligações úteis

A Alemanha num relance

Procura informações abrangentes e atuais sobre a Alemanha e sobre temas alemães?  Encontrará tudo o que procura nas seguintes plataformas:

É mostrada uma imagem em movimento composta por 4 imagens: Cientistas no laboratório / O centro histórico e a linha do horizonte de Frankfurt am Main / Uma equipa a programar uma máquina / O monumento a Goethe e Schiller em Weimar

Redes sociais

Para início da página